Comece a apostar no Campeonato Brasileiro 2018

Os Campeonatos Estaduais já viraram história e no próximo final de semana a bola começa a rolar para a maior competição do futebol no país: o Campeonato Brasileiro de futebol. Serão 20 equipes em busca do título mais cobiçado do esporte no Brasil. Quer saber um pouco mais antes de dar os seus palpites em todas as rodadas? Então confira agora mesmo como apostar no Campeonato Brasileiro este especial que preparamos para você!

– Como surgiu o Campeonato Brasileiro

O futebol no Brasil já completou seu primeiro século de vida. E temos por aqui também competições centenárias, como por exemplo o Campeonato Paulista que começou a ser disputado em 1902 e é realizado sem interrupções desde então.

Porém, comparado com estes torneios o Campeonato Brasileiro é apenas um “garoto”, já que teve a sua primeira edição realizada de maneira oficial apenas em 1971. Antes disso, houveram algumas competições embrionárias, como a Taça Brasil, primeira competição totalmente nacional realizada em 1959, e o torneio Roberto Gomes Pedrosa, uma espécie de “pai” do Brasileirão que foi realizado entre 1967 e 1970.

Desde 1971 o Campeonato Brasileiro só não foi realizado em dois anos: em 1987 quando tivemos a Copa União e no ano 2000, com a polêmica Copa João Havelange.

– Dezessete edições com pontos corridos

Durante décadas o Brasileirão teve os mais diferentes tipos de regulamento, mas sempre tendo como traço comum uma fase de classificação e uma grande final que nem sempre reunia as duas melhores equipes da temporada.

Esta história começou a mudar em 2003 quando pela primeira vez o Campeonato Brasileiro passou a ser disputado na fórmula de pontos corridos, ou seja, todos contra todos em turno e returno com o clube que conquistar mais pontos no total sendo declarado o campeão.

A fórmula atual, com 20 equipes participando, 4 sendo rebaixadas para a Série B e quatro sendo promovidas da segunda divisão no ano seguinte teve início em 2006.

Nesta era dos pontos corridos o maior campeão é o Corinthians com 4 conquistas no total, seguido de perto por São Paulo e Cruzeiro com 3 conquistas cada. O Fluminense ficou com o título duas vezes e Santos, Flamengo e Palmeiras conquistaram uma vez cada.

– Pelo menos 10 equipes com chances de título

Uma das grandes características do Campeonato Brasileiro é a sua imprevisibilidade, e embora todos os anos algumas equipes abram a competição como favoritas, sempre há espaço para surpresas.

O Brasil é um dos poucos países no mundo com esta variação de títulos e a cada ano pelo menos 10 equipes iniciam a temporada com chances reais de levantar o troféu e de ficar com o título do Brasileirão.

Nesta temporada Cruzeiro, Corinthians e Grêmio entram em ação como grandes favoritos por conta de seus títulos nos respectivos Campeonatos Estaduais.

Mesmo sem ter ficado com o título, o Palmeiras entra em ação como o grande favorito por conta do seu vasto e rico elenco, mesmo motivo para sempre colocarmos o Flamengo como um dos grandes favoritos ao título do campeonato apesar de toda a sua bagunça nos bastidores.

Ainda há outras chances de equipes surpreenderem, em um campeonato que também ficará marcado pelo retorno de equipes à elite após anos em divisões inferiores, como são os casos de Ceará e Paraná.

– Seis vagas na Copa Libertadores da América

Para este ano o Campeonato Brasileiro por mais uma temporada começa dando pelo menos 6 vagas na Copa Libertadores da América. Assim como no ano passado, os 4 primeiros colocados garantem vaga direta na fase de grupos da competição continental, enquanto o 5º e o 6º colocado na tabela precisarão passar por duas fases preliminares.

Os seis melhores classificados no Brasileirão se juntarão ao campeão da Copa do Brasil como os 7 representantes do Brasil na Libertadores de 2019, mas este número ainda pode subir caso clubes nacionais vençam a própria Libertadores e a Copa Sul-americana neste ano.

– Como apostar no Campeonato Brasileiro 2018

Apostar no Campeonato Brasileiro é muito mais simples do que parece. Aqui no Betz Club você poderá dar os seus palpites rodada a rodada e em todas as partidas, podendo sempre escolher quem será o vencedor da partida, quantos gols serão marcados, o placar exato do jogo e ainda uma série de outros mercados que farão o Brasileirão de 2018 ser muito lucrativo para você!

– Cadastre-se no Betz Club e aproveite as promoções

Comece a apostar no Campeonato Brasileiro 2018 agora mesmo fazendo o seu cadastro no Betz Club. O processo é simples e rápido, e ainda traz uma série de vantagens para você. Para começar, você terá não somente um, mas três bônus de boas-vindas em seus três primeiros depósitos, que podem trazer até R$ 1200 a mais em sua conta para você apostar.

Além disso, após o terceiro depósito você ainda ganha uma free bet de R$ 50, para escolher o seu evento favorito, incluindo o Brasileirão, e apostar de maneira gratuita e completamente livre de riscos.

Rio Open é uma grande oportunidade de apostar em tênis

O Rio de Janeiro foi o centro do mundo na última semana com o seu mais do que famoso carnaval tanto na Marquês de Sapucaí quanto nas ruas e praias. E nesta semana a Cidade Maravilhosa voltará a ser o centro das atenções, mas desta vez para os fãs da bolinha amarela com a chegada do Rio Open. Aproveite para saber um pouco mais sobre o torneio e descobrir como apostar em tênis, um dos esportes mais emocionantes e lucrativos.

– Rio Open é o maior torneio da América do Sul

O atual calendário da ATP, a associação dos tenistas profissionais, é dividido de acordo com a quantidade de pontos que dá ao campeão de cada um destes torneios no ranking da ATP. Um torneio da série ATP 250, como o próprio nome diz, dá 250 pontos ao campeão e assim sucessivamente: os torneios ATP 500 dão 500 pontos, os Masters 1000 dão 1000 pontos e os Grand Slam dão 2000 pontos para os seus campeões.

O Rio Open, torneio que está em sua 5ª edição desde que foi recriado em 2014 é o único da Série ATP 500 a ser disputado no continente, sendo assim o mais importante entre todos os torneios de tênis da América do Sul.

Disputado em quadras de saibro, o torneio tem como sede o Jockey Club brasileiro no Rio de Janeiro e distribui em prêmios algo em torno de US$ 1,5 milhões.

Vale lembrar que apesar de ser o maior este não é o único grande torneio de tênis do Brasil, com o Brasil Open, torneio da Série ATP 250 sendo disputado na semana que vem e tendo São Paulo como sede.

– Rafael Nadal como campeão

O Rio Open já teve um grande nome do tênis internacional como grande campeão. Foi o espanhol Rafael Nadal, que em 2018 atravessava o seu inferno astral por conta de suas lesões e voltou ao circuito no Brasil com título no Rio Open vencendo o ucraniano Alexandr Dolgopolov na grande final.

Em 2015 inclusive Nadal voltou ao país para defender o seu título e os pontos conquistados, mas desta vez acabou caindo na semifinal surpreendentemente para italiano Fabio Fognini, sendo vingado na grande decisão pelo seu compatriota David Ferrer.

Rafael Nadal também participou do Rio Open em 2016 e novamente foi derrotado nas semifinais, mas desta vez para o uruguaio Pablo Cuevas que acabou sendo campeão após vencer a surpreendente final sul-americana contra o argentino Guido Pella.

Em 2017 sem a presença de Nadal o título ficou com Dominic Thiem, que neste ano luta pelo bicampeonato.

– Marin Cilic é o grande nome de 2018

Nesta edição de 2018 o Rio Open terá apenas 2 representantes do chamado “Top 10” do Ranking da ATP: o número 3 Marin Cilic e Dominic Thiem que está atualmente na sexta colocação do ranking da ATP.

Roger Federer se tornou o número 1 do ranking da ATP nesta semana, o mais velho líder de toda a história desde a criação do ranking.

Cilic já está de olho nesta posição, e quer fazer do torneio da cidade maravilhosa o trampolim para o início dessa arrancada rumo ao mais alto posto do tênis internacional.

– Brasil nunca teve um campeão

O Rio Open teve duas edições disputadas entre as décadas de 80 e 90, nos anos de 1989 e 1990. E nestas duas edições teve o brasileiro Luiz Mattar como o grande campeão. Porém desde que o torneio entrou em sua era moderna em 2014 nunca mais teve um brasileiro sequer chegando perto de disputar o título entre os simples.

Nas duplas o título chegou perto de acontecer logo na primeira edição, com Marcelo Melo chegando na grande decisão fazendo dupla com o espanhol David Marrero mas acabou sendo derrotado pelos colombianos Robert Farah e Juan Sebastián Cabal.

Neste ano a maior chance de título novamente está nas duplas, e ironicamente em dose dupla.

Bruno Soares, que chegou até as semifinais em todas as vezes que disputou o torneio, chega fazendo novamente dupla com o britânico Jamie Murray, irmão do ex-número 1 do ranking Andy Murray.

Entre as duplas o líder atualmente do ranking da ATP é Marcelo Melo, brasileiro que faz dupla com Lukasz Kubot e também quer encerrar este incômodo jejum de títulos para o país.

– Aproveite para apostar em tênis no Rio Open no Betz Club

No Betz Club, site referência em apostas esportivas,  você pode apostar em tênis no Rio Open e em mais uma infinidade de torneios do circuito da ATP. E para isso conta com diversas promoções, como uma Freebet com 100% do valor do primeiro depósito do cliente no site para que a primeira aposta realizada seja totalmente segura e sem nenhum risco.

O Rio Open 2018 acontece entre os dias 19 e 25 de fevereiro, cadastre-se agora mesmo no Betz Club e aposte em tênis e nos mais variados esportes!

Bola rolando: hora de apostar nos Campeonatos Estaduais 2018

O futebol brasileiro é cheio de particularidades e tem todo um charme especial que não encontramos em nenhum outro lugar do mundo. Um dos traços mais importantes da identidade cultural de nosso futebol é a realização todos os anos dos Campeonatos Estaduais para abrir a temporada oficialmente.

Amados por uns, odiados por outros, os Campeonatos Estaduais em 2018 começaram mais cedo por conta da realização da Copa do Mundo e você já pode apostar em todos eles no Betz Club, inclusive com uma free bet de R$ 40 ganha no momento do seu cadastro.

Quer saber um pouco mais sobre as curiosidades dos Campeonatos Estaduais? Então continue lendo para descobrir:

1 – As curiosidades sobre os Campeonatos Estaduais

2 – Por que eles são importantes em muitas regiões

3 – Outras alternativas que os críticos sugerem

4 – Como apostar nos Campeonatos Estaduais com bônus

 

– As curiosidades sobre os Campeonatos Estaduais

Não há como negar: o futebol é movido por paixão, e a paixão se dá muito por conta da rivalidade entre os clubes e suas torcidas. Esta rivalidade, desde que mantida em limites determinados e não vá para o caminho da violência, é completamente saudável e ajuda a todos os clubes.

Afinal, pense bem: quer uma forma melhor de evoluir do que usando toda a sua força para superar o seu maior rival? E é justamente neste contexto em que os Campeonatos Estaduais se encaixam, colocando adversários históricos frente a frente.

O Campeonato Paulista é a liga de futebol mais antiga do país, sendo disputado anualmente sem nenhum tipo de interrupção desde o ano de 1902. Com isso, o bom e velho Paulistão entra neste ano de 2018 em sua 117ª edição, tendo o Corinthians como o maior campeão.

O Campeonato Carioca é um pouco mais novo, e assim como o Campeonato Paulista traz sempre quatro grandes rivais em busca do título. O torneio começou a ser disputado em 1906 mas assumiu o formato atual apenas em 1979, após a criação da FERJ que surgiu da fusão da Federação Carioca com a Federação Fluminense, fruto da Fusão dos Estados da Guanabara e do Rio de Janeiro.

Fechando os grandes centros do futebol nacional temos os Campeonatos Mineiro e Gaúcho, que se destacam quase sempre pelas rivalidades locais entre Cruzeiro e Atlético-MG em Minas e Grêmio e Internacional no Rio Grande do Sul.

Porém, as curiosidades e rivalidades não se restringem aos grandes centros. O maior campeão estadual do Brasil, por exemplo, vem do Rio Grande do Norte: é o ABC de Natal, que conquistou o Campeonato Potiguar por 54 vezes.

Apesar da rivalidade atual entre Galo e Raposa, em Minas Gerais também há um recorde importante nas mãos do América-MG, o popular Coelho: o clube conquistou por 10 vezes seguidas o título do Campeonato Mineiro entre 1916 e 1925.

E para fechar o hall de grandes campeões, podemos ter uma quebra de recorde neste ano: o zagueiro Durval somando as suas conquistas dos Campeonatos Paraibano, Brasiliense, Paranaense, Pernambucano e Paulista chegou a 12 títulos estaduais em sua carreira e igualou o feito de Quarentinha, campeão também 12 vezes pelo Paysandu entre as décadas de 50 e 70.

Dueval neste ano defenderá as cores do Sport no Campeonato Pernambucano e pode escrever o seu nome na história de maneira definitiva.

– Por que os Estaduais são importantes em muitas regiões

Nos grandes centros do futebol nacional temos a impressão de que o Campeonato Estadual não passa de um torneio de pré-temporada atualmente, servindo apenas para inflar ainda mais o já apertado calendário do futebol brasileiro.

Em 2018, por exemplo, por conta da realização da Copa do Mundo entre os meses de junho e julho os grandes clubes tiveram menos de duas semanas de pré-temporada antes de disputar a primeira partida oficial do ano, um verdadeiro crime do ponto de vista esportivo.

Mas para grande parte do território nacional esta é a única chance de ver o seu time realmente em ação durante ao ano. Há regiões, como o Norte do país, por exemplo, que não possuem nenhum clube na Série A do Campeonato Brasileiro, além de pouquíssimas equipes nas Séries B, C e D.

Com isso, há pelo menos a expectativa de algumas partidas durante o ano, o que permite que estes clubes não acabem.

– Outras alternativas que os críticos sugerem

Tentando levar em consideração os dois lados da história, é importante pensar em alternativas que não acabem com os pequenos clubes mas que de alguma forma ajudem aos grandes a se planejar melhor, treinar mais e finalmente ter a chance de disputar torneios internacionais que ajudem a reforçar a sua marca.

Uma das alternativas mais viáveis para isso seria a criação de mais divisões nacionais além das Séries A, B, C e D, em um modelo muito semelhante ao que é adotado no futebol inglês atualmente: enquanto as quatro primeiras divisões são nacionais como aqui, à partir da quinta divisão da pirâmide inglesa as divisões começam a ser regionalizadas, o que racionaliza os gastos com viagens destas equipes e dá a perspectiva de crescimento real para os clubes.

Outra alternativa seria a inclusão dos grandes clubes do futebol nacional apenas nas fases derradeiras dos estaduais, como já foi testado em alguns anos.

O grande problema de qualquer mudança no futebol nacional é que estas esbarram sempre nas Federações Estaduais, únicas que efetivamente lucram com o calendário como ele está hoje.

– Como apostar nos Campeonatos Estaduais com bônus

A bola já começou a rolar nos Campeonatos Estaduais e esta é a sua primeira grande chance de apostar e ganhar muito com o futebol nacional em 2018. Lembre-se que no Betz Club você encontra ótimas cotações e sempre poderá fazer suas apostas esportivas com grandes bônus e promoções.

Para começar, cadastre-se agora mesmo no Betz Club e receba uma Free Bet de R$ 40 para apostar em seu time do coração!

Copa do Mundo: hora de apostar no Mundial da Rússia!

As Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018 finalmente terminaram e nós já conhecemos as 32 seleções que estarão na Rússia no ano que vem para a disputa do maior evento esportivo da face da terra.

É hora de conhecer um pouco mais sobre o evento, entender como será a disputa em 2018 e ainda descobrir:

 

– Um pouco mais sobre a história da Copa do Mundo

– Saber sobre a Copa do Mundo 2018

– Descobrir como apostar na Copa do Mundo 2018 no Betz Club com bônus

 

1 – História da Copa do Mundo

A Copa do Mundo foi criada em 1928 na França, pelo presidente da FIFA Jules Rimet. A primeira edição do campeonato foi realizada no Uruguai em 1930 e todas as seleções participantes entraram na competição por convite e não por méritos esportivos.

Pouquíssimas seleções europeias vieram para a América do Sul por conta da distância entre os continentes nesta primeira edição, que contou com 13 participantes e teve cara de uma Copa América com alguns convidados: Argentina, Brasil, Bolívia, Chile, Estados Unidos, México, Paraguai, Peru e Uruguai se juntaram a Bélgica, França, Iugoslávia e Romênia para a disputa.

A situação começou a mudar logo no Mundial seguinte realizado na Itália em 1934 com a participação do Egito, primeiro africano e em 1938 na França, quando a Indonésia se tornou a primeira seleção asiática a participar da Copa.

Porém esta história teve uma pequena pausa por conta da segunda guerra mundial logo depois. A Copa do Mundo voltou a ser realizada apenas no Brasil em 1950 e de lá para cá virou a competição mais aguardada do esporte mundial, sendo realizada a cada 4 anos.

E se na primeira edição houve convite, hoje existem Eliminatórias em todos os continentes para definir os classificados já que a FIFA possui mais de 200 países filiados, mais do que a ONU, que lutam por apenas 32 vagas na Copa do Mundo. Este número subirá para 48 seleções na Copa do Mundo de 2026.

 

2 – Maiores campeões da história

Ao todo já foram realizadas 20 edições da Copa do Mundo de futebol na história e o Brasil é o maior campeão da história do torneio com 5 títulos conquistados, em 1958, 1962, 1970, 1994 e 2002.

Itália e Alemanha aparecem logo na sequência com quatro títulos cada, enquanto Argentina e Uruguai já conquistaram por duas vezes a Copa do Mundo e França, Inglaterra e Espanha conquistaram um título cada.

Apenas seleções da América do Sul e Europa conquistaram o título até hoje, sendo 9 títulos para os Sul-americanos e 11 títulos para os Europeus.

 

3 – Seleções classificadas para a Copa do Mundo

Para a Copa do Mundo de 2018 teremos duas seleções classificadas pela primeira vez para o Mundial.  A primeira delas é a Islândia, sensação da última Eurocopa e que se transforma também no país com menor população já classificado para o Mundial: pouco menos de 320 mil habitantes.

A segunda novata em uma Copa do Mundo é a Seleção do Panamá, que se classificou nas eliminatórias da CONCACAF deixando pelo caminho a seleção dos Estados Unidos, presença constante nos últimos mundiais.

Além dos americanos outras seleções tradicionais não estarão na Rússia, e a ausência mais sentida será a da tetracampeã Itália que pela primeira vez desde 1958 não participará de uma Copa. A Holanda, que apesar de nunca ter conquistado é sempre uma força também ficou de fora assim como o Chile, atual campeão das duas últimas edições da Copa América.

Confira a lista de classificados para a Copa do Mundo de 2018:

– Rússia (Europa/país-sede)

– Brasil (América do Sul)

– Irã (Ásia)

– Japão (Ásia)

– México (América Central e do Norte)

– Bélgica (Europa)

– Coreia do Sul (Ásia)

– Arábia Saudita (Ásia)

– Alemanha (Europa)

– Inglaterra (Europa)

– Espanha (Europa)

– Nigéria (África)

– Costa Rica (América Central e do Norte)

– Polônia (Europa)

– Egito (África)

– Sérvia (Europa)

– Islândia (Europa)

– França (Europa)

– Portugal (Europa)

– Uruguai (América do Sul)

– Argentina (América do Sul)

– Colômbia (América do Sul)

– Panamá (América Central e do Norte)

– Senegal (África)

– Marrocos (África)

– Tunísia (África)

– Croácia (Europa)

– Suíça (Europa)

– Suécia (Europa)

– Dinamarca (Europa)

– Austrália (Disputa as eliminatórias da Ásia mesmo sendo da Oceania)

– Peru (América do Sul)

 

4 – Preparação da Rússia para o Mundial

A Rússia foi escolhida em 2010 para ser a sede da Copa do Mundo de 2018, no mesmo dia em que o Catar foi escolhido polemicamente como a sede para 2022.

Para esta edição da Copa do Mundo serão utilizados 12 estádios em 11 cidades sede diferentes, sendo apenas Ecaterimburgo na Rússia Asiática. As demais cidades: Moscou (única que terá dois estádios), São Petersburgo, Kaliningrado, Kazan, Níjni Novgorod, Samara, Volgogrado, Saransk, Rostov do Don e Sóchi ficam na parte europeia da Rússia, em uma decisão tomada para diminuir os tempos de viagem das Seleções.

Dos estádios utilizados sete foram construídos do zero: Arena Mordovia, Arena Rostov, Arena Otkrytie, Estádio de Kaliningrado, Estádio de Níjni Novgorod, Estádio de Samara e Arena Volgogrado.

Dois serão reformados: Estádio Lujniki e Estádio Central.

Dois já existiam: Arena Kazan, Estádio e Olímpico de Fisht.

Um foi reconstruído: Estádio Krestovsky

 

5 – Apostas na Copa do Mundo

A Copa do Mundo é sem nenhuma sombra de dúvidas o torneio do mundo considerando todos os esportes que movimenta a maior quantidade de dinheiro a cada partida. Para se ter uma ideia dos montantes envolvidos, um jogo das eliminatórias sul-americanas para o Mundial movimenta cerca de 35,5 milhões de Euros em apostas esportivas no mundo inteiro.

E quem acha isso muito, vale lembrar que o valor movimentado por uma partida nas eliminatórias europeias é quase o dobro disso: nada menos do que 66 milhões de euros por jogo, algo em torno de R$ 245 milhões.

A expectativa é que no total as apostas na Copa do Mundo de 2014 no Brasil tenham movimentado no mundo inteiro nada menos do que 14 bilhões de reais, muito impulsionados por apostas em eventos “raros” como os 7×1 sofridos pelo Brasil contra a Alemanha ou a mordida de Luis Suárez em Chiellini no jogo Uruguai x Itália.

 

6 – Brasil renascido e entre os favoritos

O Brasil sempre aparece como um dos favoritos em qualquer que seja a edição da Copa do Mundo por sua tradição e respeito que causa nos adversários, embora esta história tenha sido arranhada seriamente após os 7×1 sofrido para a Alemanha em casa na última edição do mundial.

Mas a chegada de Tite para o comando da equipe liderando uma geração promissora que além de Neymar conta com bons jovens nomes como Philippe Coutinho, Casemiro e Gabriel Jesus aliados a experiência de nomes consagrados como Marcelo e Daniel Alves parece ter trazido novo ânimo para o Brasil, que além de se tornar o primeiro classificado para a Copa também figura entre os favoritos junto com a atual campeã Alemanha e a não menos promissora geração francesa.

Espanha e Argentina completam a lista de favoritos faltando menos de um ano para a Copa do Mundo de 2018.

 

Agora que você já sabe um pouco mais sobre a Copa do Mundo, que tal se cadastrar no Betz Club e ir aquecendo os seus palpites? Antes de apostar na Copa do Mundo 2018 você poderá se cadastrar apostar com um uma Free Bet de 100% do valor do seu primeiro depósito no site, aproveite!

Apostas esportivas: já deu seu palpite hoje?

Somos todos humanos, e sendo assim somos quase sempre movidos por desafios. Afinal, quem nunca fez uma aposta com algum parente ou amigo que atire a primeira pedra. Apostamos em tudo e durante toda a vida: a criança que pula mais alto, o jovem que corre mais rápido, quem beija mais na balada ou, claro, que o meu time é melhor do que o seu.

Agora, fica a pergunta: você sabia que o fato de sermos apostadores natos nos dá a chance de aumentar ainda mais a emoção de eventos esportivos apostando sem sair de casa e ainda podendo ganhar uma renda extra sem nenhum esforço?

Se a sua resposta é “não”, saiba que está perdendo tempo.

Quando falamos em apostas esportivas no Brasil as dúvidas são quase sempre as mesmas:

  • É possível realizar apostas esportivas no Brasil?
  • Existe alguma forma de apostar e ter suporte em português?
  • O que são todos aqueles números em um site de apostas?
  • Quais são os principais tipos de apostas?

Se estas dúvidas são comuns, as respostas são simples e o Betz Club está aqui para te ajudar em tudo o que precisar!

 

1 – É possível realizar apostas esportivas no Brasil: o mercado de apostas esportivas em todo o mundo é gigantesco e movimenta bilhões de Euros todos os anos.

Para você ter uma ideia do que estamos falando, na Inglaterra quase todos os clubes da Premier League possuem parceiros oficiais em seus estádios, e você pode realizar a sua aposta no momento em que chega para ver a partida, recebendo os ganhos logo depois da partida.

No Brasil ainda não temos estas opções, porém há algo muito mais fácil a se fazer: por aqui você pode faturar com apostas esportivas online e o Betz Club é a sua melhor opção pra isso.

Basta você fazer o seu cadastro no Betz Club e utilizar a sua própria conta no banco para receber os ganhos. Mas lembre-se: para isso você deverá ser maior de 18 anos.

2 – Apostando sem dificuldades e com suporte 100% em português: Sempre que você quiser realizar apostas esportivas online lembre-se de conferir se o site em que você está realizando o seu cadastro possui opções de suporte e atenção ao cliente em português. A boa notícia para você é que neste quesito novamente o Betz Club se destaca por sua atenção ao cliente brasileiro, já que possui um suporte em português que funciona 24 horas por dia nos 7 dias da semana.

3 – Os números são mais simples do que você imagina: Todo mundo ao entrar em um site de apostas esportivas online pela primeira vez com certeza leva um susto com a quantidade de números que encontra pela frente. Mas calma, eles são muito mais simples do que você possa imaginar.

Com certeza você já ouviu falar de cotas, cotações os odds. Estes são os jeitos mais comuns que são chamados aqueles números que você encontra ao abrir o site. O significado dele é simples: eles são as probabilidades de que aquele evento aconteça traduzidos em um valor que será pago caso isso realmente aconteça.

Pode parecer complicado, mas veja este exemplo:

Neste exemplo simples você vê as cotações para a partida Flamengo x Sport Recife pelo Brasileirão no mercado 1×2, em que você deverá prever o vencedor da partida.

Neste caso 1 representa o time da casa, o Botafogo. O X representa o empate e o 2 representa o time visitante, o Santos.

Traduzindo para um jeito ainda mais simples:

– Você irá receber R$ 2,25 a cada R$ 1 apostado na vitória do Botafogo;

– Você irá receber R$ 2,94 a cada R$ 1 apostado no empate;

– Você irá receber R$ 2,71 a cada R$ 1 apostado na vitória do Santos.

Viu como é fácil? A cotação sempre vai indicar o quanto você vai ganhar a cada R$ 1 apostado caso a aposta seja vencedora.

4 – Os principais tipos de apostas: Agora que você já sabe como funciona uma aposta e o que são as cotações é hora de escolher em que vai querer apostar no Betz Club. E a boa notícia chega agora: você possui milhares de opções de apostas todos os dias nos mais variados esportes do mundo. Se você gosta de apostar em futebol, apostar em MMA, apostar em basquete, apostar em tênis, apostar na NFL e em diversas outras opções já pode comemorar.

Os tipos de apostas são muitos também e você poderá se acostumar com o passar do tempo. Os mais comuns são:

– Apostas no vencedor: para ganhar você vai precisar escolher o vencedor de um determinado evento;

– Apostas múltiplas: você pode apostar em mais de um evento de uma vez, aumentando assim o seu ganho ao final;

– Apostas com handicap: uma vantagem virtual é dada para uma das equipes, que “teoricamente” já entra ganhando ou perdendo em campo. Sua aposta vai ser vencedora se após aplicada esta vantagem ou desvantagem o seu palpite ainda for vencedor.

Um mesmo evento pode ter mais de uma centena de opções de apostas, confira sempre as duas possibilidades.

 

Viu como apostar é legal e não precisa ser nenhum bicho de sete cabeças? Se ainda não tem uma conta do Betz Club faça agora mesmo o seu cadastro e conte sempre com a gente quando tiver alguma dúvida.

 

Um abraço!